terça-feira, 28 de junho de 2011

Não fique triste pelas pessoas que te abandonaram. Todos que se perdem no caminho são aqueles que não resistiriam com você até o final.
Ou você acaba com as ilusões,ou elas acabam com você.
Gostoso mesmo é quando tudo acontece por acaso. Sem data, sem horário, apenas coincidências, ou então destino.

As coisas passam....

E o melhor que fazemos é deixar que elas realmente possam ir embora. Antes de começar um capítulo novo, é preciso terminar o antigo: diga a si mesmo que o que passou, jamais voltará. Lembre-se de que houve uma época em que podia viver sem aquilo, sem aquela pessoa - nada é insubstituível, um hábito não é uma necessidade. Pode parecer óbvio, pode mesmo ser difícil, mas é muito importante. Encerrando ciclos. Não por causa do orgulho, por incapacidade, ou por soberba, mas porque simplesmente aquilo já não se encaixa mais na sua vida.
Não tenho medo do que possa acontecer. Aprendi a andar no escuro, a viver com os olhos abertos. Escolhi não me iludir, não me importar.
“O amor é uma máquina do tempo, e todo desejo, é desejo de voltar. E encontrar no amor as pessoas de quem gostávamos (…) mas não é só isso, querer voltar ao passado é querer transformar esse passado quantas vezes forem necessárias.”

Inconstante, super conversadeira, cheia de manias, fresca, chata, quase anti-social. Ás vezes tímida, ás vezes louca, ás vezes atirada, ou não. Não gosto de me sentir sufocada. Tenho nojo de falsidade ou qualquer coisa desse tipo. Tenho fases que nem a lua, ás vezes nem eu mesma me entendo. Hoje, quero muito. Amanhã? talvez. Não dou trabalho. Não levo desaforo pra casa, pareço boazinha, mas pisa no meu calo, pra ver só… Ás vezes sensível, ás vezes fria. Defeitos? muitos. Mas acredito que minhas qualidades superam esses defeitos. Achava que esse meu jeitinho me incomodava, mas agora vejo que é isso que eu sou, de verdade, é minha essência, meu caráter, e quer saber? Eu adoro ser assim.

segunda-feira, 27 de junho de 2011

Eu, você e todas nós queremos intimidade mas evitamos contatos muito íntimos. Não queremos nos machucar, mas usamos sapatos que nos machucam. A gente quer e não quer o tempo todo. Será que durante uma caminhada de uma esquina à outra, em um único quarteirão, é possível acontecer uma paixão, uma descoberta? Quantos metros precisamos percorrer, quantos dias devemos esperar, em que momento da nossa vida irá se realizar o nosso maior sonho e, uma vez realizado, teremos sensibilidade para identificá-lo? O nosso desejo mais secreto quase sempre é secreto até para nós mesmos.
É difícil esperar por algo que você sabe que nunca poderia acontecer, mas é mais difícil de largar, quando é a única coisa que você quer.
Na verdade era só um acordar da alma. Não acredito em botões mágicos nem em choros revitalizantes. Eu acredito em fé, em vontade de mudar, de crescer, de fazer de novo ou de fazer-se novo.
- dou uma piscadinha para DEUS e digo: Tomara que as nossas vontades coincidam !
O tempo nem sempre cura tudo. Tenho feridas que já cicatrizaram, mas que insistem em latejar quando o dia está nublado.
Mas estou disposto a correr o risco. É preciso agora concretizar a idéia. Tira-lá dos limites do pensamento, arranca-lá apenas do papel e torna-lá um pedaço de mim.
E senti um amor imenso. Por tudo, sem pedir nada de volta. Não-ter pode ser bonito, descobri.

domingo, 26 de junho de 2011

As pessoas pensam que sabem de tudo... Pensam que já viveram o bastante, para dar concelhos e nos ensinar sobre tais assuntos, mas não entendem, que nunca, nada é tão vivido como Deus. Ele sim, me diz o que faço, me ensina o que sei, e sempre mostra o melhor caminho a seguir... Me ensina á lutar pelos meus sonhos,e me aconselha que não importa tão quão difícil ele seja, ele nunca será impossível, porque carrego comigo um presente que ele me deu, a FÈ, e com a minha fé, posso enfrentar qualquer guerra, e se cair, posso levantar com muito mais sede de lutar, para que ao fim, possa vencer... Tenho sonhos, e creio que não só eu, como todos pensamos em vencer, nessa longa estrada que chamamos de vida...Não se sinta mal com os "realistas". Dizem que só estão sendo realistas, quando na verdade, estão se engando e impedindo sonhos, eles não conseguem vencer, e por isso lhe diz que vc tbm nunca irá conseguir...Mas isso não é verdade, nunca se dê por vencido, não se importe com os mals pensamentos e com toda negatividade que toma conta de vc...
Sinta o seu SONHO, e mostre ao seus adversários que pode vive-lo siim! Independente das suas dificuldades, que é óbvio, sempre haverá, mas elas são bem vindas, porque se não fosse as tais dificuldades, aí não haveria qualquer razão para lutar, e então, não haveria motivos para vencer.... Meu mundo é o mesmo que o seu mundo, e a única diferença é a troca de caminhos, todos possuem um caminho diferente, e por isso devemos escolher qual caminho seguir... Pôs a vida é contínua. E o mundo não cessa seus movimentos de oscilações... Faça a diferença, siga como quiser, e seja um grande vencedor... ;)
Me mande mentalmente coisas boas. Estou tendo uns dias difíceis, sabe? Mas nada, nada de grave. Dias escuros sem sorrisos, sem risadas de verdade. Dias tristes, vontade de fazer nada, só dormir. Dormir porque o mundo dos sonhos é melhor, porque meus desejos valem de algo, dormir porque não há tormentos enquanto sonho, e eu posso tornar tudo realidade. Quando acordo, vejo que meus sonhos não passam disso, sonhos; e é assim que cada dia começa: desejando que não tivesse começado, desejando viver no mundo dos sonhos, ou transformar meu mundo real num lugar que eu possa viver, não sobreviver.
Coração não entende ordens. De um lado a razão exigindo. De outro o coração tentando. A verdade é que nem tudo sai como o planejado. Mas a gente tenta. Um amigo meu me disse que fica surpreso como eu racionalizo os sentimentos. Eu perguntei se falava de mim. Acho que sofro calada. Calada. Maquiada. E de salto alto. Mas manter a pose cansa. Cansa ser racional. Cansa enganar o coração. Cansa ser forte
Enfim, tenho agradecido por estar viva e ter andado por onde andei e ter vivido tudo o que vivi e ser exatamente como sou.

sábado, 25 de junho de 2011


Não tenho juizo, nem sei me cuidar... Mas relaxa eu tenho sorte !!

quinta-feira, 23 de junho de 2011

quinta-feira, 16 de junho de 2011

Um dia você vai perceber que não é isso o que você quer e que você precisa de mim mais do que imagina ou até gostaria, só não esqueça que eu também tenho sentimentos; cuidado para não perceber tudo isso tarde demais.

quarta-feira, 15 de junho de 2011

Eles se amam, todo mundo sabe mas ninguém acredita. Não conseguem ficar juntos. Simples. Complexo. Quase impossivel. Ele continua vivendo sua vidinha idealizada e ela continua idealizando sua vidinha. Alguns dizem que isso jamais daria certo, outros dizem que foram feitos um para o outro. Eles preferem não dizer nada. Preferem meias palavras e milhares de coisas não ditas. Ela quer atitudes, ele quer ela. Todas as noites ela pensa nele, e todas as manhãs ele pensa nela. E assim vão vivendo até quando a vontade de estar com o outro for maior do que os outros. Enquanto o mundo vive lá fora, dentro de cada um tem um pedaço do outro. E mesmo sorrindo por ai, cada um sabe a falta que o outro faz. Nunca mais se viram, nunca mais se tocaram e nunca mais serão os mesmos. É fácil porque os dias passam rápidos demais, é dificil porque o sentimento fica, vai ficando e permanece dentro deles. E todos os dias eles se perguntam o que fazer. E imaginam os abraços, as noites com dores nas costas esquecidas pelo primeiro sorriso do outro. E que no momento certo se reencontrem e que nada, nada seja por acaso.

segunda-feira, 13 de junho de 2011

“No fundo, mesmo lendo tanto, pensando tanto e filosofando tanto, a gente gosta mesmo é de quem é simples e feliz. A gente não se apaixona por quem vive reclamando e amassando jornais contra a parede. A gente se apaixona por esses tipinhos banais que vivem rindo. E a gente se pergunta: que é que ele tem que brilha tanto? Que é que ele tem que quando chega ofusca todo o resto?”